Como a letra da música Linoleum, do NOFX, inspirou nosso nome.

É curioso como algumas coisas acontecem e pra onde elas nos levam. Deixe-nos contar brevemente por que o nome da nossa revista é Linoleum. No final de 2013 estávamos bem decididos a começar um blog pra falar sobre arte, música e o que mais nos desse na telha. De lá pra cá muitas águas rolaram, mas continuamos aqui, firmes e fortes.

Pensamos muito no nome que daríamos pro blog e sempre tivemos a vontade de fazer conteúdo pra pessoas que assim como nós tem um certo problema em se encaixar dentro das regrinhas do sistema.

Como sempre tivemos um grande influência de bandas de punk-rock, começamos a olhar um monte de nomes de música de várias bandas. Fizemos uma lista com 100 nomes e fomos riscando até chegar em uma lista de finalistas.

Linoleum foi a escolhida. Uma música matadora do NOFX, primeira faixa clássico álbum Punk in Drublic, que tem um papel muito importante na formação do nosso caráter musical.

LINOLEUM – NOFX

Possessions never meant anything to me
I’m not crazy (cause I got none)
Well that’s not true, I’ve got a bed and a guitar
And a dog named dog who pisses on my floor
That’s right, I’ve got a floor
So what, so what, so what?
I’ve got pockets full of Kleenex and Lint and holes
Where everything important to me just seems to fall right down my leg
And on to the floor
My closest friend Linoleum
Linoleum
Supports my head, give me something to believe
That’s me on the beachside combing the sand
Metal meter in my hand
Sporting a pocket full of change
That’s me on the street with a violin under my chin
Playing with a grin, singing gibberish
That’s me on the back of the bus
That’s me in the cell
That’s me inside your head
That’s me inside your head