Câmeras fotográficas analógicas dissecadas na arte de Fabian Oefner.

Em sua série mais recente, entitulada de “CutUp”, o artista Fabian Oefner adotou uma curiosa técnica que serras e resina para literalmente fatiar filmes e câmeras fotográficas em pedaços, revelando toda a riqueza de detalhes de seus mecanismos. Pra nós, que amamos fotografia, este post não poderia passar batido!

As peças foram reorganizadas, remontadas e suspensas em resina em configurações interessantes. Cada nova escultura transforma as ferramentas em novas obras de arte projetadas para serem vistas de vários ângulos.

Explicando o processo de produção, Oefner disse no release de lançamento que usa uma “mistura única de tecnologias de ponta e com técnicas mais rústicas”. A resina é derramada em torno das câmeras para preparar os objetos para o corte. O método preferido de Oefner para curar a resina ao redor das câmeras envolve câmaras de vácuo e pressão capazes de atingir temperaturas precisas e pressões atmosféricas.

Os blocos são dissecados usando uma serra de fita antiga antes de serem polidos à mão e reorganizados. As novas formas são então encapsuladas em resina e polidas novamente para revelar todos os detalhes.

Confira abaixo o vídeo com o processo de produção e uma série de fotos com o resultado final. Fica a nossa fica para seguir Fabian Oefner no Instagram. Até a próxima 😉